Não Pare! - FML Pepper

Título: Não Pare!
Autora: FML Pepper
Editora: Valentina
Número de Páginas: 280
ISBN: 9788565859660

Nina Scott não suportava mais a vida nômade e solitária que sua mãe, Stela, a obrigava a ter. Mudar de cidade ou de país a cada piscar de olhos, conviver com tantas perguntas que a consumiam, assombrada por mistérios de um passado guardado a sete chaves. Agora, aos 16 anos, a garota de estranhas pupilas verticais exigia respostas. E, para sua péssima sorte, elas já estavam a caminho!
Quando Stela decide ficar em Nova York, Nina acredita que seu sonho de ter uma vida normal vai se tornar realidade. Finalmente terminará o ano letivo em um mesmo colégio, poderá fazer amigos sem ter que abandoná-los em seguida, viver um grande amor, amadurecer, criar raízes... Enfim, curtir a juventude.
Mas o "normal" está muito longe da vida de Nina!
Perdida no olho de um furacão de mortes e inexplicáveis acidentes, tendo que esconder os terríveis atos da mãe paranoica, Nina começa a desconfiar da própria sanidade mental, de tudo e de todos. O que explicaria os paralisantes calafrios, a perda de visão e de memória que experimentava sempre que alguém morria ao seu redor?
Seria a Morte sua companheira para toda a vida?
É chegada a hora da verdade.

A Trilogia:
1. Não Pare!
2. Não Olhe!
3. Não Fuja!

Se você como eu, ainda não havia lido esse livro, pare tudo o que você está fazendo neste momento, leia esta resenha e depois corra até uma livraria mais próxima da sua casa.

"Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos
 anjos, e não tivesse amor, seria como o  metal que sou ou 
como o sino que tine. Ainda que tivesse o dom de 
profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a 
ciência, e ainda que tivesse toda a fé, e não tivesse amor,
nada seria.
O amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo
suporta". 
I Coríntios, 13: 1-2,7
A expressão "azarada" define muito bem Nina Scott. Nina e sua mãe, Stella se mudam constantemente, principalmente quando fatos estranhos parecem rondar as duas personagens. Nina não sabe nada sobre o pai e sempre que questiona a sua mãe a seu respeito esta desconversa e fica estranha. 
Entre tantas mudanças, eis que as duas estão prestes a realizar mais uma mas segundo Stella que a segurou a filha será a última: New York. Agora, Nina finalmente vê uma possibilidade de ter uma vida normal, ter amigos, arrumar um emprego e quem sabe uma vida amorosa. Mas normal, pode ser um sinônimo bem longe da realidade de Nina. Apesar do fato de que ela não tem um pai, a mãe é muito envolvida com o trabalho, que é o de desenvolver lentes óticas, Nina tem uma pequena diferença em sua córneas: elas são verticais, como de um gato, por este motivo sua mãe foi desenvolvendo lentes e a aprimorando para que as córneas da filha fossem disfarçadas.
Mas, acontece que mesmo se mudando para uma outra cidade fatos estranhos continuam a rondar Nina, e as coisas começam a realmente a ficar estranhas quando Kevin e Richard, cruzam o caminho da moça. Mesmo Nina tendo Kevin ao seu lado, porque quando esta perto de Richard sente como se uma corrente elétrica atravessasse seu corpo? A única coisa que ela sabe é que depois que conhece os dois coisas estranhas começam a acontecer e consequentemente descobertas, farão com que o mundo de Nina vire de cabeça para baixo.
Afinal? Você entregaria sua vida nas mãos da morte?
" Arrependo - me de não ter prestado atenção aos sinais. Se pudesse imaginar que estes seriam os últimos dias da minha vida, ou melhor, da vida com a qual eu estava acostumada, isso faria alguma diferença?"
A minha vontade era trazer esta resenha no mesmo dia que eu tinha concluído a leitura, mas o que aconteceu é que eu gostei tanto da leitura que queria fazer uma boa resenha, e pra isso tinha que pensar muito bem no que escrever.

Para falar a verdade, não sabia de nada a respeito desta história. A única coisa que eu tinha noção era de que foi um grande sucesso na Amazon, e que mais tarde foi publicado em formato físico. E que claro, a história rendeu várias opiniões positivas, e ultimamente não estou vendo resenhas ou lendo sinopses, estou indo mais pela opinião dos leitores, e foi por isso que eu fui ler Não Pare!, que se tornou uma das minhas melhores leituras do ano!
"- Você diz isso porque ainda não encontrou a pessoa que fará sua vida ganhar sentido - rebateu Stela de estalo, surpreendendo - me. - Um sentimento maios pouco se importa com a aparência e pode aflorar das situações mais improváveis. Ele não tem necessidade de explicações. Simplesmente é, e ponto final. A vida vai lhe mostrar, Nina [...]"
FML Pepper, é sem sombras de dúvidas uma autora admirável. Pois de um momento delicado em sua vida, lhe veio a inspiração de criar um mundo fantástico e inovador, que irá te prender do início ao fim. Já terminei o livro já faz bem mais de uma semana, e a história ainda esta bem vívida na minha memória, como seu eu tivesse acabado a leitura agora.
Até agora não tinha lido nada parecido com o enredo, mas isso foi um dos pontos mais positivos ao meu ver na leitura, pois eu adoro livros com diferenciais, porque se todos forem parecidos qual é a graça?
A única coisa que posso adiantar é que vamos conhecer a morte aqui, e não tem como você não gostar dela, sério, meninas preparem o coração...
Os personagens são bem desenvolvidos, com personalidades fortes e determinados. Apesar de todas as dificuldades que a protagonista enfrenta - e olha que a autora não poupou a menina hora alguma -, não faz com que ela seja uma personagem chata e cheia de mimimi, muito pelo contrário ela não abaixa a cabeça, segue em frente em meio ao desconhecido.
A história nos mostra que todas as pessoas são suscetíveis ao amor, até mesmo a morte.
"[...] Como a morte poderia ser tão bela? O certo seria que ela fosse horripilante, como nos filmes de terror. Mas lá estava ele. Para contradizer tudo e todos. Lindíssimo! Seus cabelos eram acariciados de um lado para outro pelas mãos do vento, suas sobrancelhas, igualmente negras, eram as mais perfeitas molduras para aquelas preciosas gemas azul - turquesa, sua pele alva era o oposto da escuridão, traria paz. Tudo nele era belo. Belo como a vida, nunca como a morte. Se toda essa loucura fosse verdade, eu estaria diante de uma baita contradição, mas ... Pare já com isso Nina! Nada do que você está presenciando é real. Tudo não passa de uma grande encenação de um bando de psicopatas!"
Eu li em formato digital, mas não achei nenhum erro de ortografia. Tinha momentos que estava com o coração na mão e em outros sofria junto com a protagonista.
Mais do que recomendo para amantes dos gêneros de YA e fantasia. Mas uma dica: se você for ler já aproveita e tenha os próximos em mãos, porque te garanto você vai ficar louco (a), para ler a sequência.
Em breve quero te- lo em mãos. *-*

2 comentários

  1. Ooi, Aline! Eu estou curiosa em relação à esse livro. Toda resenha que leio são só elogios :3 por se tratar de uma fantasia, creio que a leitura iria fluir. Porém, soube que tem triângulo amoroso, por isso estou evitando a leitura, mesmo sabendo que eu poderia gostar do enredo em geral.
    Amei a resenha, viu? E sei como é esse sentimento após a leitura ❤
    Beeijos

    www.thoughtsandadventures.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ruhh!O triângulo amoroso aqui não tem tanto destaque, na verdade só bem no comecinho da trama que ele existe, depois some, esqueça ele. A trama te prende tanto que você nem percebe esse pequeno detalhe.
      Fico contente que tenha gostado da minha resenha. *-*
      Bjux more.

      Excluir

Nome:
Blog/Site:

Topo