Resenha: Zhoe e o Pássaro

Título: Zhoe e o pássaro.
Autora: Mônica Pimentel
Editora: Novo Romance
Número de Páginas: 66

Para além dos elementos cristãos presentes neste livro, Zhoe e o Pássaro é uma obra que pode ser lida por todos, independente da crença, origem ou idade. No texto de tempo e espaço indefinidos, há alguma coisa de O meu pé de laranja lima, do O Pequeno príncipe e de Francisco de Assis conversando com pássaros. Zhoe livro tenta superar e entender a morte da mãe. O pássaro é o grande mistério. Como explicar para uma criança o que é a morte? É possível entendê-la? Talvez, se tivermos um amigo pássaro...


Saraiva - Amazon - 
Olá hoje trago para vocês, uma resenha de um livro do qual eu gostei muito, pois me fez refletir sobre várias coisas em minha vida.

O que não podemos é viver com medo o tempo inteiro ou deixar de confiar em Deus por deixarmos o medo ser maior dentro de nós, maior que nossa fé. - pág. 24

Zhoe é um garotinho, que quando a sua mãe dera a luz  a ele, ela faleceu. Mesmo, passado muito anos do ocorrido, a família sempre se manteve unida e feliz, graças ao esforço do pai, que sempre dava uma maneira de suprir que os seus filhos não sentissem falta da mãe. Por isso, desempenhava muito bem o papel de pai e mãe da familia.
Mas o pequeno ainda tinha várias indagações de para onde a sua mamãe havia ido. E para responder as suas perguntas, um pássaro, branco com nome de Neriá, responde as perguntas mais difíceis do menino.

Passada a tensão, papito soube a razão que levou o filho a se lançar nas águas do mar. O cuidado com o próximo, o dese- jo de ajudar, salvar uma vida ou simples- mente fazer o bem. - pág. 43

Eu li o livro em menos de uma hora. Pois, se trata de uma trama curta, mas com muito conteudo. A história mexeu comigo em vários sentidos e depois que eu terminei de ler, fiquei pensando comigo: "Será que esta correria do dia a dia compensa?"; "Compensa não expressarmos o que realmente sentimos? Se nós não sabemos por quanto tempo estaremos por aqui?". E o que eu tirei para mim desse livro, foi que:
Devemos fazer o que tivermos vontade, hoje pois o amanhã não nos pertence, nem podemos saber o Deus nos reserva para o próximo segundo, imagine para o amanhã. Aproveite ao máximo cada detalhe do seu dia-a-dia, pois ás vezes, quando nos dermos conta já poderá ser tarde demais. - Silva, Aline.

Uma excelente leitura, e de uma ótima diagramação.
A Editora Novo Romance, mesmo sendo nova no mercado editorial, já está se mostrando que é uma editora de grande potencial. E aguardem que em breve virão novos lançamentos que estou muito ansiosa para ler.
O primeiro lançamento da Editora foi A Virgem, que você pode conferir a resenha aqui.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Nome:
Blog/Site:

Topo