Resenha: Cinquenta Tons de Cinza

Com certeza, você ja ouviu falar dessa trilogia. Foram alguns dos livros mais vendidos de 2013.Tantos os livros causaram um grande impacto, como o filme que esta começando a ser produzido.
 Muitos amaram, outros odiaram, sabe como dizem, gosto é gosto e isso não se discute. Eu tenho a trilogia completa, pra ser sincera, nem odiei, nem adorei.
Quando eu comprei na época, logo em que foram lançados, eu não sabia muito bem sobre o que falavam. Se e me arrependi de tê-los comprado? Posso dizer que sim, pois eu paguei muito caro, para um livro que não tem muito conteúdo. Porque, o preço que eu paguei em um volume, agora esta os três. E, eu também poderia ter completado outras das coleções que tenho aqui.
Como eu já disse nem gostei nem odiei. Estou bem no meio - mesmo- dessa classificação.



É um romance erótico.  O livro conta a história de Anastasia Steele, uma estudante de literatura, de 21 anos, romântica, sonhadora e que nunca teve um namorado. Tudo isso muda quando conhece por acaso, um homem que tem o mundo aos seus pés, aos 27 anos, tem um grande império comercial. Desde, que ela conheceu Christian Grey, o cara começa a aparecer até nos sonhos dela. E seus encontros vão ficando mais frequentes, até que eles entram em um relacionamento. Que não é nada com o que Ana, esperava, já que ela era tão romântica, e Christian tão diferente. Quanto mais a relação vai evoluindo, Ana vai descobrindo que Grey, tem um passado muito conturbado.

Quando a estudante de literatura Anastasia Steele entrevista o jovem bilionário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que o deseja e que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir á beleza discreta, à timidez e ao espirito independente de Ana, Christian admite que também a deseja- mas em seus próprios termos.

Até a página, 100 por ai a leitura está tranquila, depois dai começam as partes picantes. Eu não estava acostumada com livros desse gênero, mas depois me acostumei. Já que quando eu comprei o primeiro volume já que ganhei o segundo e terceiro, no mesmo dia.
É uma leitura rápida de se fazer.
Sinceramente, eu tive muita raiva da Anastasia, por causa dos últimos momentos em que ela tem com Christian - que é bem no final do livro-, mas tudo bem. Depois até que eu gostei.

O livro é o primeiro de um trilogia, da autora E.L. James. Foi publicado pela editora Intrínseca e conta com 455 páginas.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Nome:
Blog/Site:

Topo